O autor deste blogue reserva-se o direito de publicar e responder aos e-mails e comentários que lhe são enviados (critérios: disponibilidade de tempo e interesse para os leitores). Os e-mails e comentários a merecer resposta devem obedecer à seguinte condição: o seu autor deve estar devidamente identificado com endereço e-mail e número de telemóvel.


sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Crescimento Económico

Portugal precisa de um crescimento minimo na ordem dos 3% ao ano para conseguirmos pagar os juros da divída que assumimos. Na minha opinião precisamos de mudar o paradigma da estratégia ecnómica de Portugal, privilegiando a criação de riqueza na agricultura, nas pescas, nas extrações mineiras, na industria e nos serviços ligados ao turismo ou diretamente ligados à exportação ou substituição de importações por produções nacionais competitivas.

A promoção do empreendorismo, tal como está ser feito com os apoios do ProDer para a instalação de jovens empresários agrícolas, deveria ser o modelo para instalar jovens empresários de todas as outras atividades. Será que concordam comigo? Se dá resultado na agricultura porque não aplicam a toda a economia? Dirâo: Faltam fundos financeiros! Eu digo: falta vontade política para inovar, correr riscos e pensar /atuar fora da caixa. Concordam comigo?

 

Sem comentários: