O autor deste blogue reserva-se o direito de publicar e responder aos e-mails e comentários que lhe são enviados (critérios: disponibilidade de tempo e interesse para os leitores). Os e-mails e comentários a merecer resposta devem obedecer à seguinte condição: o seu autor deve estar devidamente identificado com endereço e-mail e número de telemóvel.


quarta-feira, 13 de maio de 2015

CONCLUSÕES DA APK SOBRE III CONGRESSO NACIONAL DO KIWI


CONCLUSÕES

As expectativas da Associação Portuguesa de Kiwicultores para este congresso foram concretizadas, tendo em conta a sala (com capacidade para 200 pessoas) estava praticamente cheia. Foi enriquecida com a qualidade dos intervenientes que desenvolveram os temas do congresso, o número de patrocinadores, o apoio das entidades locais, a presença dos organismos oficiais, nomeadamente a Diretora da DRAPC, o Director da DRAPN e a Ministra da Agricultura.

No painel "A Inovação da Produção", foi evidenciada a importância duma gestão profissional da produção, com relevo para a execução atempada das operações culturais, as novas formas de construção de pomares mais eficientes, a importância da polinização assistida e a atenção que merecem as novas variedades como forma de acompanhar as tendências do mercado e conseguirmos aumentos de produtividade.

"Fitossanidade e Conservação" foi o painel que se seguiu. A PSA (Pseudomonas syringae pv actinidiae) doença que afeta gravemente o kiwi, foi o tema dominante deste painel tendo-se concluído que a cobertura dos pomares é uma forma objetiva de combate a esta doença, protegendo também a planta relativamente aos fatores climatéricos, diminuindo a necessidade de tratamentos e contribuindo para uma melhoria na qualidade da fruta e aumento da produtividade. Renovou-se a recomendação de que temos de produzir com qualidade de modo a temos sucesso na conservação. Foi apresentado o kiwimeter, um pequeno aparelho portátil que permite avaliar o fruto. demonstrou-se que o kiwi é um superalimento, tendo-se sugerido um slogan para a fileira: "produzimos saúde".

O último painel, o da "Comercialização" permitiu-nos concluir que há novos mercados para explorar, que o Kiwi Português é apreciado nos mercados internacionais devido às suas qualidades organoléticas e tem grande potencial de consumo, desde que se garanta a homogeneidade da fruta.

Da "Mesa Redonda - O Kiwi Português de 2015 a 2020" concluiu-se que, após referência ao aumento da área de produção em 800 hectares, é fundamental a união de esforços dos Entrepostos Comerciais para se traduzir numa marca nacional ou num Agrupamento Complementar de Empresas (ACE), para responder ao escoamento e valorização da produção nacional.


APK - Associação Portuguesa de Kiwicultores
Rua S. Paulo da Cruz, 12 | 4520-249 Sta. Maria da Feira
Tlf 256 336 244 | Tlm 912 593 825
apk@apk.com.pt | www.apk.com.pt

Sem comentários: