O autor deste blogue reserva-se o direito de publicar e responder aos e-mails e comentários que lhe são enviados (critérios: disponibilidade de tempo e interesse para os leitores). Os e-mails e comentários a merecer resposta devem obedecer à seguinte condição: o seu autor deve estar devidamente identificado com endereço e-mail e número de telemóvel.


quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Agricultura Biológica Geral – 140 horas




A qualificação de técnicos para o modo de produção biológico carece de formação devidamente homologada pela Direção Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural. Este curso de Agricultura Biológica Geral permite o exercício da atividade dos técnicos fornecendo-lhes conhecimentos teóricos e práticos para este modo de produção.


Objetivos
Colher amostras de terra, de folhas, de águas, de alimentos para animais, de fezes e de urina e planear a respetiva frequência e oportunidade;
Elaborar um plano de fertilização;
Relacionar as características físicas, químicas e biológicas de um solo com o desenvolvimento das plantas;
Referir as práticas fundamentais da fertilização no modo de produção biológico e planear a sua aplicação;
Controlar um processo de compostagem;
Reconhecer a necessidade de utilização de um composto e determinar as condições da sua aplicação;
Reconhecer as causas de erosão de um solo e ativar os meios para a minimizar;
Selecionar a maquinaria de trabalho de solo, de acordo com as práticas aconselhadas no modo de produção biológico;
Identificar quando e como regar, de acordo com a cultura e outros mecanismos;
Identificar todos os recursos utilizáveis na proteção das culturas segundo o modo de produção biológico;
Identificar os artrópodes auxiliares mais frequentes (mínimo: ao nível da ordem) e determinar as medidas a tomar para a sua preservação na exploração;
Identificar os estragos e sintomas mais frequentes nas culturas e relacionar com os respetivos agentes causadores (pragas e doenças);
Identificar as pragas mais frequentes e a sua posição sistemática (mínimo: ao nível da ordem);
Calcular as concentrações e doses de produto fitofarmacêutico a aplicar;
Utilizar corretamente o material de aplicação e segundo a boa prática fitossanitária;
Identificar as principais infestantes e escolher os processos mais adequados para o seu controlo;
Estabelecer o plano de conversão da exploração agrícola e/ou pecuária;
Selecionar as raças ou as estirpes a converter ou a introduzir na exploração, determinar o respetivo encabeçamento e planear a substituição;
Planear a alimentação, movimentação e alojamento dos animais;
Planear a utilização e armazenagem do estrume;
Identificar os animais e os produtos de origem animal, permitindo a rastreabilidade.


Conteúdos
Introdução à Agricultura Biológica (AB)
Fertilidade e Fertilização do solo
Conservação do Solo
Proteção das Plantas
Modo de produção biológico de produtos agrícolas de origem vegetal
Modo de produção biológico de animais e de produtos de origem animal
Acondicionamento e comercialização
Controlo e certificação
Conversão para Agricultura biológica
Visitas de estudo


Destinatários
Recém-licenciados, quadros técnicos e científicos, e técnicos com formação superior na área das ciências agrárias e afins.

Local e Datas
Local: Teóricas – Gondomar; Práticas – Explorações a indicar.
Data de Realização: A iniciar a 19 de Outubro e a terminar no final do ano. (A realizar em dias úteis não consecutivos e em sábados alternados, salvo exceções a indicar).
Horário Previsto: Dias úteis 19:00-23:00; Sábados: 9:00-13:00; 14:00-18:00.
Duração
140 horas

Informações
Custo: 550€ (Isento de IVA; Certificado de Formação Profissional)

Mais informações: contacte dep.formacao@espaco-visual.pt ou telef.: 224509047

Sem comentários: