O autor deste blogue reserva-se o direito de publicar e responder aos e-mails e comentários que lhe são enviados (critérios: disponibilidade de tempo e interesse para os leitores). Os e-mails e comentários a merecer resposta devem obedecer à seguinte condição: o seu autor deve estar devidamente identificado com endereço e-mail e número de telemóvel.


domingo, 2 de julho de 2017

Mirtilo

Boa tarde Sr. Engenheiro,
Em primeiro lugar, não podia deixar de o felicitar pelo esforço e dedicação que tem a este blog que me fez conhecer melhor este negócio da agricultura.
Tenho 21 anos e familiares que possuem 2ha de terreno (perto de Fafe, Braga) que não têm sido cultivadas nestes últimos anos, anteriormente eram ocupados por milho.
Gostaria de saber se o negócio dos pequenos frutos, em especial o mirtilo, ainda é rentável. Tenho vindo a pesquisar bastante, contudo já encontrei notícia tanto de bom como de mau.
Existe algum apoio para este tipo de jovens agricultores certo? É muito dispendioso este tipo de investimento?
Na sua opinião seria um bom negócio apostar nos pequenos frutos, não só o mirtilo como também, por exemplo, frutos vermelhos e criar maior variedade?
Recomendaria outro tipo de investimento que não pequenos frutos?

Obrigado pela atenção.

Comentários:
1. Considero o mirtilo uma atividade interesante para quem quer iniciar-se na agricultura.

2. O mirtilo é rentável para quem instala a cultura nos solos e climas adequados, adquire plantas de alta qualidade, aposta nas variedades certas em função dos mercados que tem como alvo. Quem não o faz como é óbvio, tem limitações e alta probabilidade de insucesso. Para além da instalação é preciso cuidar bem das plantações ao nível das operações culturais, seja pela rega, fertilização, poda, etc.

3. Existem apoios públicos para este tipo de investimento e jovens agricultores. Fale com a Eng. Sónia Moreira da Espaço Visual (917075852).

4. Para os 2 ha recomendo que só invista no mirtilo.

Sem comentários: