O autor deste blogue reserva-se o direito de publicar e responder aos e-mails e comentários que lhe são enviados (critérios: disponibilidade de tempo e interesse para os leitores). Os e-mails e comentários a merecer resposta devem obedecer à seguinte condição: o seu autor deve estar devidamente identificado com endereço e-mail e número de telemóvel.


sexta-feira, 17 de março de 2017

Castanheiro

Bom dia Engº Jose,
O meu nome é ... e adquiri recentemente duas terras em Chaves (aldeias a redor a cerca de 850m de altitude), a bons castanheiros perto, mas como sou novo na área tenho lido muita coisa, e fiquei preocupado porque em Italia lesse que 90% dos castanheiros foram afectados por doenças, e dado que ainda se trata de bastante investimento pois gostaria de plantar 10ha, não sei se deva plantar castanheiros hibridos ou castanheiros selvagens, pois pelo que li os castanheiros hibridos estão mais protegidos a doenças, mas penso que não se dão tao bem em terras altas.
Desculpe o incomodo se de alguma forma me puder ajudar eu retribuirei.
Atentamente 

Comentários:
1 - A cultura do castanheiro está sujeita a uma praga, vespa das galhas do castanheiro, a qual faz apodrecer a madeira sendo responsável pela forte  quebra de produção em Itália que o leitor identificou no seu texto.

2 - Esta praga está a ser combatida pelo programa Biovespa coordenado pela RefCast - Associação Portuguesa da Castanha.

3 - Aconselho-o a plantar variedades autoctones portuguesas de csatanheiro, as quais são as melhor adaptadas aos solos e climas da sua região e as mais competitivas no mercado nacional e internacional.

4 - Peça uma consulta à Eng. Sónia Moreira da Espaço Visual (917 075 852) que ela ajuda-o na resposta às questões técnicas e na conceção de uma plantação competitiva e ajustada para resistir e produzir  com todas as limitações de pragas e doenças  

Sem comentários: